O QUE TEREMOS NO PROJETO SOMAR VIDA?
This is an example of a HTML caption with a link.



O Projeto...

O Projeto Somar vida foi idealizado com o objetivo de contribuir para que toda a sociedade tenham melhores informações sobre a vida das pessoas com deficiência.Esclarecendo as suas limitações, as necessidades, as aptidões, as capacidades, bem como os seus direitos para que todos possam conviver de uma forma mais inclusiva e respeitosa. [...] CONTINUAR LENDO

Gislene Davi Ramos...

É idealizadora do projeto, moradora de São Bernardo do Campo, cadeirante há 48 anos, quando criança teve poliomielite que a deixou com graves sequelas e, desde então, enfrenta no dia a dia todos os obstáculos de quem tem necessidades especiais... [...] CONTINUAR LENDO

Postagens recentes

Inclusão de pessoas com deficiência em sites do governo

24 de nov de 2016

Para cumprir a legislação, todos os portais da administração pública devem ser acessíveis.

Com o objetivo de auxiliar os órgãos públicos federais no cumprimento da legislação sobre a acessibilidade digital, o Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MP) divulgou, nesta terça-feira (22), o Formulário de Acessibilidade Digital (FAD). Todos os portais e sítios eletrônicos da administração pública na internet devem ser acessíveis para pessoas com deficiência. No Brasil, existem cerca de 45 milhões de pessoas com algum tipo de deficiência.

“Queremos ajudar os órgãos a cumprirem a legislação porque não se constrói um governo digital sem a inclusão de pessoas com deficiência. O formulário vai gerar um diagnóstico dos ambientes virtuais de cada órgão federal”, explicou o secretário de Tecnologia da Informação do MP,Marcelo Pagotti.

O FAD auxiliará os órgãos também na elaboração de relatórios circunstanciados para a Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão do Ministério Público Federal. A elaboração desses relatórios está prevista no art. 120 da Lei nº 13.146, de julho de 2015 (Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência – LBI).

Além do formulário, os órgãos federais devem construir, ainda, um plano de trabalho para cada ambiente digital que não esteja em conformidade com as diretrizes de acessibilidade. Tanto o FAD quanto este plano devem ser enviado à procuradoria até 2 de janeiro de 2017.

ACESSO

O acesso ao formulário eletrônico deverá ser solicitado à Secretaria de Tecnologia da Informação (STI) pelo dirigente de Tecnologia da Informação de cada órgão.
Para isso, é necessário encaminhar para o endereço de correio eletrônico govbr@planejamento.gov.br as seguintes informações:
I – Assunto: “Formulário eletrônico de acessibilidade digital”;  
II – Nome, cargo e telefone do responsável pelo preenchimento.
A STI responderá a solicitação em cinco dias úteis.


Fonte: Portal Brasil

Comissão prevê que preços de produtos sejam expostos também em braile

11 de nov de 2016


A Comissão de Defesa do Consumidor aprovou proposta que prevê que ofertas e informações sobre preços estejam disponíveis também em braile nos estabelecimentos comerciais. A medida está prevista no Projeto de Lei 1844/15, do deputado licenciado Veneziano Vital do Rêgo (PMDB-PB). Pela proposta, as informações em braile deverão ser claras e facilmente legíveis pelos deficientes visuais.

CIENTISTAS PODEM TER DESCOBERTO ACIDENTALMENTE A CURA PARA O CÂNCER

15 de out de 2015


Cientistas podem ter acidentalmente feito um enorme passo em frente na busca de uma cura para o câncer - a descoberta inesperada de uma proteína malária poderá ser uma arma eficaz contra a doença.

DEFICIENTE VISUAL VOLTA A ENXERGAR APÓS CIRURGIA REALIZADA POR MÉDICO BRASILEIRO

29 de set de 2015

Uma cirurgia realizada nesta terça-feira (22/09), por um médico brasileiro, no Hospital Maisonneuve-Rosemont, no Canadá, fez com uma pessoa cega voltasse a enxergar. O procedimento que durou cerca de quatro horas, foi concretizada ao som dos sambistas Zeca Pagodinho e Arlindo Cruz.  

ESTUDO SUGERE QUE PODE ESTAR PRÓXIMA A CURA PARA A OBESIDADE

29 de ago de 2015


São Paulo – Um estudo realizado por pesquisadores do MIT e da Universidade de Harvard, nos EUA, pode ajudar no desenvolvimento de uma droga para curar a obesidade. Eles descobriram como bloquear um gene defeituoso que está conectado com a doença.
 

Apoia o Projeto

Parceiro do Projeto

Blog Parceiro